close
Share with your friends

O estudo Emerging trends in infrastructure 2021, produzido pela KPMG International, traz as dez principais tendências emergentes de infraestrutura para este ano. A pesquisa destaca aspectos para que o setor supere os atuais desafios e se prepare para o futuro pós-pandemia. 

Confira as tendências elencadas pela publicação:

Tendência 1

A incerteza gera complexidade de planejamento

O setor deve procurar maneiras de possibilitar uma abordagem mais ágil e flexível para o planejamento, desenvolvimento e entrega da infraestrutura. 

Tendência 2

As cidades passam por uma crise de identidade

As pessoas estão cada vez mais focadas no seu próprio tempo, segurança e conveniência, com padrões diferentes de vida, trabalho e diversão, o que impacta em como as cidades respondem e se adaptam à multipolaridade impulsionada pela covid-19.

Tendência 3

As fronteiras tornam-se reais novamente

Com políticas nacionalistas, guerras comerciais e dificuldades no fluxo de mercadorias, a globalização não teve um bom ano em 2020, o que abrangerá as perspectivas de portos e aeroportos para construção de uma infraestrutura mais nova e melhor, aproveitando mais os bytes do que os tijolos.

Tendência 4

Reforma das redes de suprimentos

A maioria das empresas está mudando suas cadeias de suprimentos, tornando-as menores, mais pesadas e menos lineares, ou melhorando a diversidade da rede.

Tendência 5

Uma reconstrução mais verde e justa

Para este ano, espera-se ver o setor de infraestrutura com foco em resultados ambientais, sociais e de governança para contribuir com um mundo mais justo, inclusivo e equitativo. 

Tendência 6

A resiliência galga posições na agenda

Proprietários, planejadores e reguladores de infraestrutura devem começar a fazer perguntas difíceis sobre a resiliência dos seus ativos no sentido mais amplo. 

Tendência 7

Entregando um mundo digital de maneira segura

Tecnologias de conectividade serão fundamentais para impulsionar a inovação e o valor da infraestrutura. Governos começarão a reconhecer que devem abordar os déficits na infraestrutura digital. 

Tendência 8

Reformas políticas e regulatórias tornam-se imperativas

—   Novas formas de trabalhar estão sendo adotadas rapidamente. Proprietários de infraestrutura e governos têm uma oportunidade sem precedentes de repensar como atendem às partes interessadas. 

Tendência 9

Governos procuram parceiros

No próximo ano, alguns governos devem procurar parceiros e começar a reconsiderar o papel que o setor privado desempenha não apenas na entrega de ativos, mas também na entrega de serviços. 

Tendência 10

Novas modelos de financiamento inundam o mercado

Ao longo do próximo ano, espera-se que os investidores corram para veículos que fornecem retornos de anuidades de longo prazo sustentáveis e protegidos contra a inflação. 

Acesse o estudo Emerging trends in infrastructure 2021 na íntegra e confira todos os resultados do relatório.