close
Share with your friends

The future of defense: organizações de defesa cada vez mais conectadas e automatizadas

Organizações de defesa

Estudo explora o futuro do ramo, considerando todas as perspectivas inovadoras que poderão agregar a longo prazo.

Conteúdo Relacionado

câmeras de segurança

A partir de uma reflexão sobre as competências que podem tornar o setor de defesa mais conectado, automatizado e inteligente, o Estudo aponta que alguns recursos tecnológicos ganham destaque, como as armas de energia direcionadas, autônomas e hipersônicas, além de computação quântica.

O conteúdo explora também o futuro do ramo, considerando todas as perspectivas inovadoras que poderão agregar a longo prazo, como Inteligência Artificial (IA), Internet das Coisas (IoT) e Edge Computing. Além disso, o 5G, junto com todo seu ecossistema associado, desponta como a tecnologia disruptiva e segura que fará diferença no futuro. Inclusive, estas soluções digitais permitirão que organizações de defesa - tanto no Brasil como no mundo - obtenham resultados estratégicos em suas operações militares e diplomáticas.

As conclusões acima foram elaboradas a partir de contribuições dos especialistas do setor de defesa da KPMG, entrevistas com profissionais seniores da área, e também por meio de uma pesquisa da Forrester com 122 especialistas que atuam em empresas de defesa na Austrália, Canadá, Alemanha, Índia, EUA e Reino Unido.

Abaixo, confira os principais destaques do Estudo:

  • De acordo com pesquisa da Forrester, nos próximos 12 meses, sete entre dez organizações de defesa investirão em soluções para se tornarem mais conectadas;
  • Há três aspectos principais que impactarão o setor mundial de defesa: Connected Enterprise, Instantly Informed Enterprise e Automated Enterprise;
  • Tecnologias digitais são fundamentais, pois são o caminho para uma defesa efetiva e eficiente, onde os líderes podem tomar decisões e, assim, obter vantagens estratégicas em relação ao adversário;
  • Existem oito elementos fundamentais para ajudar as organizações de defesa a tornarem-se mais conectadas, sendo eles: (i) estratégias e ações orientadas por insights; (ii) plataformas e serviços inovadores; (iii) centricidade de missão por design; (iv) interação sem emendas; (v) operações responsivas e cadeia de suprimentos; (vi) força de trabalho alinhada e capacitada; (vii) arquitetura de tecnologia ativada digitalmente; e (viii) ecossistema integrado de parceiros e alianças.


Mauricio Endo
Sócio-líder de Governo e Transporte da KPMG no Brasil
mendo@kpmg.com.br
(11) 3940-8322

Paulo Pagliusi
Sócio-líder de Defesa da KPMG no Brasil
paulopagliusi@kpmg.com.br
(11) 3940-5934

conecte-se conosco

 

Quer fazer negócios com a KPMG?

 

loading image Pedido de proposta